Internacional

“É absolutamente evidente que, para poder lutar, a classe operária tem de se organizar enquanto classe em seu próprio país, e que os respectivos países são o teatro imediato de sua luta. É nisso que a luta de classe é nacional, não no seu conteúdo, mas, como diz o Manifesto Comunista, ‘na sua forma’ “

Karl Marx – “Crítica ao Programa de Gotha”

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: